27/03/2018 às 08h31min - Atualizada em 27/03/2018 às 09h52min

Urgente: trabalhadores em educação fecham BR-364

Dando continuidade às manifestações contra o governo estadual, os trabalhadores em educação fecharam nesta terça-feira, dia 27, a BR-364 saída de Vilhena. Caravanas de outros municípios engrossam o protesto que, entre outras cobranças, exigem que o governo cumpra a Lei nº 11.738/2008 (lei do piso salarial do Magistério), a Lei nº 3.565/2015, que instituiu o Plano Estadual de Educação, e crie um piso salarial para os técnicos educacionais no valor de 60% do salário dos professores. Hoje os técnicos ganham pouco mais de um salário mínimo por conta das perdas salariais acumuladas. Os professores querem adequar o vencimento dos docentes ao piso nacional, que é de R$ 2.455, e solicitam ainda aumento salarial aos professores ‘classe C’, que têm especialização, em comparação aos ‘classe A’, que têm apenas o magistério.
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »