02/11/2018 às 09h22min - Atualizada em 02/11/2018 às 09h22min

Cargos:"Acabou a fase da troca de favores", sugere Coronel aos políticos

Nessas negociações políticas que estão ocorrendo, caso mantenha o que disse na campanha e repetiu depois de eleito, Marcos Rocha não aceitará negociar cargos em seu governo.Seguindo o exemplo do seu guru e mentor, Jair Bolsonaro, eleito presidente, o Coronel Marcos Rocha tem repetido que “acabou a fase da troca de favores. Meu governo será composto por gente competente, especializada e ninguém será escolhido por indicação política, seja de que partido for”. Isso significa que muda mesmo a forma de fazer política no Estado, como está mudando em nível nacional. O que não se sabe ainda é como reagirão alguns dos eleitos e reeleitos  que vivem de indicações políticas, de ocupação de espaços nas administrações e que não estão habituados a apoiar um governante que não lhe abra as portas para essas “parcerias”, que sempre tiveram como principal meta acertar a vida de amigos, correligionários e apaniguados, nunca os interesses maiores do Estado
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »