29/03/2019 às 10h46min - Atualizada em 29/03/2019 às 10h46min

URGENTE: POLÍCIA TENTA PRENDER EX-SECRETÁRIO E SERVIDORES DA SAÚDE; OPERAÇÃO INVESTIGA CONTRATOS NA GESTÃO ANTERIOR

Agentes da Polícia Civil realizam nesta sexta-feira a Operação Pouso Forçado, que investiga contratos entre a empresa Rio Madeira Aero Taxi (Rima) e o Governo do Estado, através da Secretaria de Saúde.

Segundo informações preliminares há várias prisões que estão sendo feitas pela Delegacia de Repressão ao Crime Organizado (Draco).

As investigações dizem respeito a contratos realizados pela Sesau no Governo Confúcio Moura para transporte de pacientes pela empresa Rio Madeira Aero Taxi (Rima), e foram encontrados diversas irregularidades. Pimentel não foi encontrado até às 9 horas, segundo informaram fontes. Além do ex-secretário, um ex-adjunto também investigado no esquema, teria sido 
preso.


Pimentel 

O ex-secretário de Saúde Williamens Pimentel e o ex-diretor financeiro da Secretaria de Estado da Saúde na gestão de Confúcio Moura, Alvaro Paraguassu, alvos da Operação Pouso Forçado não estavam em suas casas quando a polícia chegou, por volta das 6 da manhã. 

Eles estão sendo investigados por supostas irregularidades em contratos com uma empresa de taxi aéreo que faz voos regionais em Rondônia.

Os aviões eram contratados mesmo o Governo do Estado tendo equipado o Corpo de Bombeiros com aeronaves para transporte de pacientes.

Williamens Pimentel foi secretário de saúde de Confúcio Moura, atendendo a um pedido do ex-senador Valdir Raupp. Ele foi candidato a deputado estadual em 2018. (Alan Alex - Rondoniagora)


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »