20/11/2019 às 11h23min - Atualizada em 20/11/2019 às 11h23min

Judoca de Colorado conquista medalha de prata nos Jogos Escolares da Juventude

Paulo Sérgio

O judoca Lucas Pontes, 17 anos, conquistou medalha de prata na primeira e última participação dele nos Jogos Escolares da Juventude (JEJ), competição escolar que reúne 4998 alunos atletas de 12 a 17 anos de todo o Brasil até o próximo dia 30, em Blumenau (SC). “Essa medalha é tudo que já conquistei com meu próprio esforço”, disse o atleta, dedicando o sucesso “aos pais, professores e ao povo rondoniense”.

“Agradeço ao governo de Rondônia por proporcionar o meu acesso à competição nacional ao realizar os Jogos Escolares de Rondônia (Joer), que é uma porta para o futuro esportivo dos estudantes”, disse, emocionado, o medalhista estudante da escola estadual Manoel Bandeira, em Colorado do Oeste. Devido à idade, ele não poderá mais participar das competições do Joer e do JEJ.

Para chegar ao segundo lugar no pódio, o atleta enfrentou adversários de alto nível do Espírito Santo, Piauí, Mato Grosso e Paraná. Mas o representante de São Paulo eliminou a chance de Lucas Pontes conquistar a mais valiosa medalha, a de ouro.

“O Caio Kiwada foi um opositor no tatame muito bem treinado. Foi uma luta muito difícil”, declarou Lucas Pontes, mencionando que o outro judoca é integrante da seleção brasileira e dono de vários títulos internacionais. “Dentre eles, medalhista de bronze no PanAmericano, ocorrido na capital peruana, Lima, este ano”, ressaltou.

Esta é a primeira medalha de Lucas Pontes conquistada em competição nacional. Apesar de ter participado do Joer durante o ensino fundamental e agora no médio, apenas em 2019 ele foi campeão estadual e classificado para o brasileiro escolar.

O resultado positivo no interior de Santa Catarina despertou o interesse do atleta em prosseguir no esporte. “Foi uma experiência fantástica. Vou me dedicar mais ao judô e aconselho o estudante que ainda não pratica esporte que o faça imediatamente, pois os reflexos da vida esportiva são muito importantes na formação e oportunidades para os jovens”, falou o garoto.

Encantado com a competição, medalha e localidade, Lucas Pontes gostou de conhecer um pedacinho da cidade fundada e colonizada por alemães a partir de 1.850. “Tudo é muito bonito, organizado e limpo. ‘Danke dir’, Blumenau!”, agradeceu, em alemão, a acolhida na cidade.

O primeiro bloco de competição dos Jogos Escolares nas modalidades de basquetebol, handebol, Wrestling (luta olímpica) e judô encerra nesta quarta-feira (20). No segundo bloco (21 a 26) os rondonienses disputam nas modalidades de atletismo e badminton. De 26 a 30 será o período das modalidades de ciclismo, ginástica rítmica, natação, tênis de mesa, vôlei de praia e xadrez.

O JEJ é o maior evento esportivo escolar do país e é realizado pelo Comitê Olímpico do Brasil (COB) em 14 modalidades. Blumenau sedia o evento pela primeira vez com uma prospecção de movimentação financeira durante o período de R$ 35 milhões direta e indiretamente, segundo informou o prefeito Mário Hildebrandt.

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »