29/11/2019 às 05h37min - Atualizada em 29/11/2019 às 05h37min

Ministra diz que carne ficou "muito barata por três anos"

com informações da Folha de São Paulo

"Vai ter uma estabilização. Não vão ter mais essas puxadas. Mas não tem perigo de voltar ao que era. Mudou o patamar. Já tinha mudado o da soja, do milho”, afirmou a Ministra Tereza Cristina

A Ministra da Agricultura do governo Bolsonaro, Tereza Cristina, disse em uma entrevista ao Poder 360, que o preço da carne não deve baixar, que ela ficou “muito barata por 3 anos” e que agora “deve estabilizar”. Com a alta dos preços na carne, muitos brasileiros estão deixando a carne de lado, a Ministra argumentou que o preço “barato” por 3 anos, estava sendo ruim para os produtores de gado.

“O produtor vinha tendo muitos problemas, querendo até trocar de atividade, porque estava tendo prejuízo”, afirmou. “A produção vai aumentar. Podemos diminuir o tempo de abate, tendo animais mais jovens no peso ideal”, disse a Ministra.

 

A alta segundo a Ministra, foi devido ao aumento das exportações para a China,as exportações de carne bovina para o país asiático saltaram de 20 mil toneladas em junho para 65 mil toneladas em outubro, devido a um surto de peste suína no país (China).

O aumento das carnes no mês de novembro chega a 5,26%, na cidade de São Paulo o preço da carne subiu em média 4,2% na segunda quadrissemana de novembro, o contrafilé por exemplo aumentou em média 5,86%, segundo dados da Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas (FIPE). Será que estaríamos rumando para um caminho similar da Argentina, que viu o preços dos alimentos explodirem? É algo a se observar.

 

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »