09/05/2020 às 07h52min - Atualizada em 09/05/2020 às 07h52min

Prefeito e secretário são denunciados após festa com mais se 10 pessoas

O prefeito Cornélio Duarte de Carvalho, de São Miguel do Guaporé (RO), e o secretário de esportes da cidade estão sendo denunciados por realizarem uma festa de aniversário durante a pandemia do novo coronavírus. Os dois vão responder por improbidade administrativa.

G1 entrou em contato com a assessoria da prefeitura e com a secretaria de Esportes, mas não conseguiu contato até a publicação da reportagem.

Segundo denúncia do Ministério Público de Rondônia (MP-RO), no dia 21 de abril foi realizada uma festa para celebrar o aniversário do secretário Anderson Luiz da Silva, do Esporte. Na ocasião, o prefeito foi à festa, que teve a participação de mais de 10 pessoas.

Fotos postadas nas redes sociais no dia 21 de abril, conforme o MP, mostram Cornélio e Anderson participando do churrasco de aniversário. "Todos participantes da festa estavam sem máscaras ou outros equipamentos de proteção individual, em evidente aglomeração de pessoas", diz a denúncia da promotoria de São Miguel do Guaporé.

Como em 21 de abril o estado de Rondônia já estava no período de isolamento social, sendo proibida a realização de festa pública o privada, o MP-RO entendeu que o prefeito e o secretário praticaram ato de improbidade.
 

Na denúncia, a promotoria afirma que o evento com aglomeração de pessoas em São Miguel do Guaporé é uma "afronta aos princípios da moralidade, impessoalidade, legalidade e eficiência, além de abalar a credibilidade e respeitabilidade de que deve gozar o Poder Público".

Segundo o MP, além da ação por ato de improbidade administrativa ingressada contra o prefeito e o secretário, os demais participantes da festa de aniversário deverão ser responsabilizados na seara criminal.

São Miguel do Guaporé, até esta sexta-feira (8), não tem caso confirmado de Covid-19, porém existe dois casos registrados na cidade vizinha, Alvorada do Oeste.

 

Mais de 1 mil casos em Rondônia

 

Na noite de quinta-feira (7) o estado de Rondônia ultrapassou os 1 mil casos confirmados da doença, segundo a Secretaria Estadual de Saúde (Sesau). Já são 37 mortes.

Segundo a Sesau, foram mais de 100 novos casos confirmados em 24 horas.

A pasta também revelou que:

 

  • 241 pacientes estão curados;
  • 89 pacientes estão internados;
  • 4.324 exames foram realizados;
  • 62 casos confirmados;
  • 27 casos suspeitos;
  • 287 casos suspeitos aguardando resultado no Lacen;
  •  

 

 

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »