25/05/2020 às 13h12min - Atualizada em 25/05/2020 às 13h12min

Em Rondônia PM flagra festas, efetua disparo e usa spray de pimenta para dispersar aglomerações

Ilustrativa
Ao menos quatro festas foram encerradas por policiais militares só no Vale do Jamari, entre a noite de sábado (23) e domingo (25). Em um dos encontros, o organizador da "social" xingou os policiais e em outra festa a Polícia Militar (PM) precisou usar spray de pimenta para dispersar o público aglomerado.

Cujubim
 
Segundo boletim de ocorrência, na noite de sábado uma guarnição foi chamada até uma casa de Cujubim (RO) onde estaria ocorrendo uma confraternização. Ao chegar no imóvel a PM encontrou dez pessoas sem máscara e ingerindo bebida alcoólica.

Na ocasião, o dono da residência disse que o grupo iria continuar bebendo e nenhum policial iria entrar em sua casa. O homem ainda instigou os convidados da festa a avançarem contra a guarnição.

Na sequência, de acordo com a PM, o organizador da "social" passou a xingar os policiais. Diante dos fatos foi dado voz de prisão ao dono da casa, que, após ser algemado e colocado na viatura, "deu vários chutes na grade na tentativa de quebrá-la". O suspeito foi levado à delegacia da cidade por desacato.

Ariquemes

Em uma casa da Rua 9, Zona Sul da cidade, a PM descobriu uma festa sendo feita com cerca de 30 pessoas. Ao fazer contato com o dono do local, este informou que o encontro estava sendo feito para celebrar seu aniversário e, portanto, a festa iria continuar.

Com a negativa para encerrar a festa, a PM adentrou na casa e utilizou spray de pimenta contra os convidados, na tentativa de dispersá-los. Segundo a polícia, neste momento o dono do imóvel investiu contra os agentes e foi necessário fazer um disparo de espingarda Calibre12.

Os policiais ainda pediram reforço de outra guarnição, momento que o público se evadiu do local, juntamente com o dono da festa de aniversário. A esposa do aniversariante e um homem que continuaram na casa precisaram assinar o Termo Circunstanciado (TCO). Aglomerações de pessoas estão proibidas em Rondônia, através de decretos, por causa da pandemia do novo coronavírus. Fonte: G1-RO.

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »