19/09/2020 às 18h17min - Atualizada em 19/09/2020 às 18h17min

Matador de comerciante em Cerejeiras executou outra pessoa com 24 facadas e guardou sua orelha

MÍDIA RONDÔNIA
O réu confesso acusado de matar no domingo (13) o comerciante Cecílio Dias Rocha, 61 anos, a golpes de faca em Cerejeiras, Aldori Rodrigues Borges, 40 anos, já matou um homem com requintes de crueldade no ano de 2009 no município de Vilhena (RO).

Segundo publicado pelo portal eletrônico Folha do Sul Online em 24 de dezembro de 2009, véspera de natal, Aldori foi preso após matar Ataíde Teixeira, 48 anos, com 24 facadas, além de arrancar uma orelha e quase ter decepado uma das pernas da vítima.
 
PRESO O ASSASSINO QUE GUARDOU A ORELHA DA VÍTIMA

À véspera do Natal, corpo é encontrado com 24 perfurações de faca, além de ter tido a orelha decepada e a perna esquerda também quase arrancada, segundo apurou a Polícia Civil. A vítima, identificada com Ataíde Teixeira, de 48 anos, estava jogada num terreno baldio no Jardim Primavera, periferia de Vilhena.

Ataíde teria bebido na noite anterior num bar ao lado de onde o corpo foi encontrado. Por volta das 17h desta quinta-feira (24), a Polícia Militar prendeu, em sua casa, no bairro Cristo Rei,  Aldori Rodrigues Borges, 29 anos, funcionário de uma madeireira, que confessou o assassinato. Ele entregou aos policiais a orelha da vítima, que estava guardada com ele.

Chorando muito, Aldori Borges disse que não havia um motivo e que o crime ocorreu em consequência do álcool. Ambos estavam muito bêbados no momento da tragédia.
 
Veja as notícias relacionadas:
https://bit.ly/2ZQOixB
https://bit.ly/3hJixwl
https://bit.ly/2RJClFf
 
Com informações do Folha do Sul – Crédito de Foto: Divulgação Facebook.

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »