01/07/2018 às 20h23min - Atualizada em 01/07/2018 às 20h23min

Feminicídio: vilhenense é morta a facadas pelo marido

A vilhenense Luciana Zenki, 37 anos, foi morta a facadas na tarde de sábado (30) na cidade de Tangará da Serra (MT). A irmã dela, Kátia Zenki, também foi atacada, ficou ferida, mas sobreviveu e está internada na UTI. Segundo outra irmã das vítimas, Eliana Zenki,, o autor do crime é o ex-namorado de Luciana, identificado como Jair Geraldi, 47 anos, que foi preso logo após o ataque. De acordo com o site Tangará em Foco, o assassino contou que foi conversar com a ex-namorada e acabaram se desentendendo. O homem não demonstrou arrependimento. Luciana morou em Vilhena até 2016. Ela trabalhava no supermercado Pato Branco e havia se mudado para a cidade mato-grossense em busca de oportunidade de trabalho. A vilhenense havia terminado o namoro há uma semana, mas Jair não se conformava com o fim do relacionamento. Descontrolado, ele foi à casa onde Luciana morava sozinha, mas ela estava sendo visitada pela outra irmã, Kátia. O assassino mandou as duas mulheres se sentarem no sofá da sala e as atacou com uma faca. Luciana havia decidido retornar a Vilhena esta semana. Ela pretendia fazer o acerto no frigorífico onde trabalhava, para voltar. A vítima deixa dois filhos, um deles morando com o pai na cidade de Chupinguaia. (Folha do Sul)


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »