26/07/2018 às 06h35min - Atualizada em 26/07/2018 às 06h35min

Fonte Segura: De volta ao batente; prefeito retorna da Coréia do Sul

Coluna Fonte Segura: De volta ao batente; prefeito volta da Coréia do Sul Bons modos Reza a lenda da boa educação que, entre pessoas civilizadas, se dizer bom dia, boa tarde ou boa noite, ainda não saiu de moda. Mas não foi bem isso o que ocorreu comigo quando encontrei o prefeito de Cerejeiras no Banco do Brasil.O administrador do município, que esteve recentemente em viagem internacional à Coréia do Sul, deveria ter aprendido bons modos com os coreanos e ser mais educado com moradores em locais públicos.   Sem imagem   Caso não fosse uma matéria publicada em um site de Cerejeiras, a viagem do prefeito à Coréia do Sul passaria batida. Sabe-se, porém, que a prefeitura paga um assessor para fazer esse tipo de informação, mas que, de fato, está ganhando sem fazer nada. O que foi mesmo que ele foi fazer na Coréia?   Sem sinal O que estará acontecendo com o semáfaro de Cerejeiras? Virou uma novela. Faz muito tempo que o sinal da cidade está com defeito, aparecendo apenas a cor amarela para os motoristas. Sabe-se, que, o preço daquele semáfaro ficou em torno de hum milhão de reais quando foi adquirido, mas que agora não vale uma Cibalena.   Acidentes   Fiquei sabendo que a prefeitura já gastou mais de R$ 70 mil em reparos e o caso pode acabar na polícia ou no hospital, uma vez  que há uma grande probabilidade de ocorrerem acidentes graves naquele local. E de quem será a responsabilidade depois que isso acontecer? Estamos de olho!   Eleições 2018 Não temos nada definido ainda em relação às eleições deste ano. Alguns nomes tem aparecido. Para disputa ao governo, Maurão de Carvalho, Acir Gurgacz e Expedito Júnior já se declararam pré-candidatos. Porém, haverá as convenções e tudo pode mudar de uma hora para outra, como diria o saudoso Ulisses Guimarães.     Senado embolado   A briga pelo Senado também segue embolada.  No MDB, a corrida está polarizada e cheia de polêmicas entre o senador Valdir Raupp e o ex-governador Confúcio Moura. Enquanto eles buscam apoio para suas pré-candidaturas junto aos convencionais, Marcos Rogério (DEM) corre por fora com o apoio dos tucanos e do PSD de Expedito Neto. Jesualdo Pires, ex-prefeito de Ji-Paraná, e Carlos Magno, indicação do grupo Cassol, articulam-se nos bastidores. Vamos aguardar, então. Fiquem todos com Deus porque ainda é tempo! Wilson Aguiar.
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »