13/11/2018 às 14h43min - Atualizada em 13/11/2018 às 14h43min

Escândalo Gisa volta à pauta

O preferido do presidente eleito Jair Bolsonaro (PSL) para assumir o Ministério da Saúde em seu futuro governo, o deputado do DEM Henrique Mandetta, é investigado num inquérito de tráfico de influência e de fraude à Lei de Licitações.

Mandetta é investigado por fraude e direcionamento em licitação e desvio de recursos quando foi secretário municipal de Saúde de Campo Grande.

O Escândalo Gisa, denominação do sistema para informatizar o atendimento nos postos de saúde da capital sul mato-grossense, teria causado prejuízos de R$ 8,1 milhões aos cofres públicos.

O processo contra o deputado se arrasta no Supremo Tribunal Federal (STF) desde fevereiro de 2015.


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »